Bulas de Remédios

As bulas constantes no ER Clinic são meramente informativas. Em caso de dúvidas quanto ao conteúdo de algum medicamento, procure orientação de seu médico ou farmacêutico.

Laboratório

Gross

Apresentação

compr. - emb. c/ 5 a 10 compr.

Indicações

Tratamento dos estados dolorosos agudos, como reagudização de dores reumáticas, dor músculo esqueléticas, dismenorréia, cefaléia, dor pós-traumatismo e pós operatória, odontalgia, afecções reumáticas articulares e extra articulares.

Contra-indicações

Hipersensibilidade ao fármaco, úlcera gastroduodenal gastrite, dispepsias, distúrbios hepáticos e renais graves, insuficiência cardíaca grave, hipertensão arterial grave, alterações hematológicas graves, presença de diátese hemorrágica, gravidez confirmada ou presumível, período de aleitamento.

Reações adversas / Efeitos colaterais

Os efeitos colaterais verificados e provavelmente atribuídos à ação do fármaco, restringem-se, em geral, ao trato gastrintestinal. São em síntese, náusea, pirose, dor epigástrica, dispepsia, diarréia. A incidência de tais efeitos indesejáveis, normalmente, é inferior à que se observa com Piroxicam não incluído no complexo; a permanência mais prolongada do produto ativo e sua maior dispersão na luz gastrointestinal parecem, de fato, reduzir a intolerância local no contato direto com mucosa. Outros possíveis mais raros efeitos são: úlcera gástrica com ou sem hemorragia, vômito, edema da face e mãos de natureza alérgica, aumento da fotossensibilidade cutânea, alterações visuais, anemia aplástica, pancitopenia, trombocitopenia, elevação dos índices das provas de função hepática, icterícia, insuficiência renal aguda, retenção hídrica que pode se manifestar sob forma de edema (especialmente nos tornozelos) ou distúrbios cardiocirculatórios (hipertensão, insuficiência cardíaca congestiva). De forma análoga ao Piroxicam, em casos isolados foram descritos úlceras gástricas com perfuração, síndrome de Stevens-Johnson, Síndrome de Lyell, agranulocitose, disfunção da vesicula biliar, choque e sintomas premunitórios, insuficiência cardíaca aguda, estomatite, alopécia e alterações do crescimento das unhas.

Posologia

Comprimidos - 1 comp. ao dia. Supositórios - 1 supositório ao dia. Pó - 1 envelope ao dia. Dissolver o conteúdo do envelope em meio copo com água, agitando com uma colher até a total dissolução. Em indivíduos idosos é possível reduzir a dose para a metade e limitar a duração do tratam..

Informações

Brexin é uma nova formulação do Piroxicam, na qual a substância ativa forma um complexo com a B-Ciclodextrina. B-Ciclodextrina Piroxicam Comprimidos Supositórios (equivalente a 20mg de Piroxicam) .. 191,2 mg .. 191,2 mg Excipiente q.s.p .. 1 comp. .. 1 supositório Pó 191,2 mg .. 1 envelope A B-Ciclodextrina é um oligossacarídeo cíclico obtido através de hidrólise e conversão enzimática do amido e, graças à estrutura química especial que apresenta, pode formar complexos de inclusão com vários fármacos, melhorando as características de solubilidade, estabilidade e biodisponibilidade. O complexo B-Ciclodextrina Piroxicam é altamente hidrossolúvel e proporciona rápida absorção do Piroxicam após administração oral e retal. A melhor solubilidade permite uma rápida elevação dos níveis plasmáticos e a obtenção de valores de pico mais precoces e, com isso, maior intensidade do efeito analgésico e antiinflamatório. Brexin possui uma meia vida plasmática prolongada possibilitando uma administração diária. Graças às suas propriedades farmacocinéticas, Brexin é adequado para tratam. de estados dolorosos moderados e intensos.

o diária. Graças às suas propriedades farmacocinéticas, Brexin é adequado para tratam. de estados dolorosos moderados e intensos.