Bulas de Remédios

As bulas constantes no ER Clinic são meramente informativas. Em caso de dúvidas quanto ao conteúdo de algum medicamento, procure orientação de seu médico ou farmacêutico.

Laboratório

Solvay

Apresentação

compr. 100 mg cx. c/ 20 un.

Indicações

Tratamento das convulsões, inclusive epiléticas, dos estados ansiosos e insônia rebelde. Usado nas síndromes de abstinência de outros hipnóticos.

Contra-indicações

Idiossincrasias, doença renal e hepática, psiconeurose e parkinsonismo, uso concomitante com o álcool, gravidez e lactação. Porfiria aguda intermitente.

Reações adversas / Efeitos colaterais

Bastante raras nas doses recomendadas. Podem ocorrer e são atribuíveis ao fenobarbital: sonolência, diminuição da potência sexual, tonturas, ataxia e alterações do comportamento, como dificuldade de adaptação (ou reação inversa, como euforia, mais rara). Reações alérgicas cutâneas ao fenobarbital são muito raras, tendo sido relatada dermatite esfoliativa. Também tem sido muito raramente mencionada, anemia megaloblástica, que responde muito bem ao ácido fólico. Como os demais barbitúricos, pode causar dependência física medicamentosa, não devendo ser suprimido bruscamente, o que pode precipitar uma crise ou levar a um estado de mal epilético.

Posologia

Um a três comprimidos por dia, a critério médico. É recomendável ajustar a dose em casos de pacientes geriátricos e debilitados.

Informações

Edhanol é um barbitúrico dotado de uma cadeia aberta e outra cíclica aromática, o que lhe confere propriedade anticonvulsivante mais intensa que a hipnótica, longa duração de ação e eliminação predominantemente renal. Desta forma, é usado como antiepilético específico e anticonvulsivante geral, sendo que nas doses habituais recomendadas, tem ações hipnótica e sedativa praticamente desprezíveis. A absorção no tubo digestivo é lenta, dependendo da dissolução. Distribui-se amplamente pelo organismo, inclusive no tecido nervoso, fixando-se no tecido adiposo por sua elevada lipossolubilidade. Cerca de 50% do absorvido é eliminado na urina sem modificações, sendo o resto liberado lentamente dos tecidos. Edhanol estimula os microssomos hepáticos, aumentando a atividade das enzimas responsáveis pela biotransformação de diversos fármacos, principalmente nas conjugações glicurônicas.

mos hepáticos, aumentando a atividade das enzimas responsáveis pela biotransformação de diversos fármacos, principalmente nas conjugações glicurônicas.