Bulas de Remédios

As bulas constantes no ER Clinic são meramente informativas. Em caso de dúvidas quanto ao conteúdo de algum medicamento, procure orientação de seu médico ou farmacêutico.

Laboratório

Sanofi

Apresentação

compr. rev. 400 mg. cx. c/ 10 e 14 compr.

Indicações

KetekrrR (telitromicina) é indicado para o tratamento de infecções causadas por cepas suscetíveis dos seguintes patógenos comuns, incluindo as cepas resistentes de S. pneumoniae e os patógenos atípicos nas condições específicas listadas abaixo, em pacientes com 18 anos de idade ou mais, exceto em amigdalite/ faringite, nas quais KetekrrR (telitromicina) é indicado para pacientes com 13 anos de idade ou mais.

Contra-indicações

KetekR (telitromicina) está contra-indicado a pacientes com hipersensibilidade à telitromicina ou qualquer dos agentes antibacterianos macrolídeos ou à qualquer componente da fórmula. A administração concomitante de telitromicina com as seguintes substâncias está contra-indicada: cisaprida, pimozida, astemizol e terfenadina (ver item Interações Medicamentosas).

Reações adversas / Efeitos colaterais

Sistema Gastrintestinal: Muito comum (? 10% dos pacientes): diarréia Comum (1 a 10% dos pacientes): náusea, vômito, dor gastrintestinal, flatulência Incomum (0,1 a 1% dos pacientes): constipação, anorexia, monilíase oral, estomatite Reações Alérgicas: Incomum (0,1 a 1% dos pacientes): erupção cutânea, urticária, prurido Muito raro (0,01% dos pacientes ou menos): reações alérgicas graves, incluindo angioedema e anafilaxia Sistemas Hepático e Biliar: Comum (1 a 10% dos pacientes): aumento das enzimas hepáticas (TGP, TGO e fosfatase alcalina) Raro (0,01 a 0,1% dos pacientes): icterícia colestática Sistema Nervoso: Comum (1 a 10% dos pacientes): vertigem, cefaléia Incomum (0,1 a 1% dos pacientes): sonolência, insônia, nervosismo Raro (0,01 a 0,1% dos pacientes): parestesia Sistemas Hematológico e Linfático: Incomum (0,1 a 1% dos pacientes): eosinofilia Órgãos Sensoriais: Comum (1 a 10% dos pacientes): alterações do paladar Incomum (0,1 a 1% dos pacientes): Foram relatados distúrbios visuais (? 1%) associados com o usoR (telitromicina), incluindo visão embaçada, dificuldade no foco e diplopia. A maioria dos eventos foram de grau leve a moderado. Normalmente, os eventos visuais ocorreram dentro de poucas horas após a primeira ou segunda dose, recorrendo nas doses subseqüentes, duraram várias horas e foram totalmente reversíveis tanto durante a terapia ou após o final do tratamento. Estes eventos não foram associados com sinais de anormalidade ocular (ver sub-item Efeitos sobre a habilidade para dirigir veículos ou operar máquinas). Casos isolados: parosmia. Sistema Urogenital: Comum (1 a 10% dos pacientes): monilíase vaginal Pele: Raro (0,01 a 0,1% dos pacientes): eczema Sistema músculo-esquelético: Raro (0,01 a 0,1% dos pacientes): cãimbras musculares, exacerbação de miastenia gravis Alterações Cardiovasculares: Incomum (0,1 a 1% dos pacientes): rubor Raro (0,01 a 0,1% dos pacientes): arritmia atrial, hipotensão, bradicardia Muito raro (0,01% dos pacientes ou menos): palpitações Adicionalmente, as seguintes reações adversas foram relatadas em casos isolados: hepatite, eritema multiforme, edema facial, pancreatite, perda transitória da consciência/síncope geralmente associada com síndrome vagal.

Posologia

KetekR (telitromicina) comprimidos pode ser administrado com ou sem alimentos. Os comprimidosR (telitromicina) devem ser ingeridos inteiros com quantidade suficiente de água. A tabela a seguir traz orientações sobre a dose, via de administração, freqüência de administração e duração do tratamento, segundo a indicação: Infecção Dose diária e via de administração Freqüência de Administração Duração do Tratamento Exacerbação bacteriana aguda da bronquite crônica 800 mg via oral (2 comprimidos) Uma vez ao dia 5 dias Sinusite aguda 800 mg via oral (2 comprimidos) Uma vez ao dia 5 dias Amigdalite/ Faringite 800 mg via oral (2 comprimidos) Uma vez ao dia 5 dias Pneumonia adquirida na comunidade 800 mg via oral (2 comprimidos) Uma vez ao dia 7-10 dias A segurança e eficácia da telitromicina em crianças menores de 13 anos de idade ainda não foram estabelecidas. Não é necessário ajuste posológico em pacientes idosos, quando baseado na idade isoladamente. Não é necessário ajuste posológico em pacientes com insuficiência renal leve ou moderada. No caso de insuficiência renal severa (clearance de creatinina < 30 mL/ min), a dose deve ser reduzida à metade (por exemplo, 400 mg uma vez ao dia). Para pacientes sob hemodiálise, nos dias de diálise, KetekR (telitromicina) deve ser administrado após a sessão de diálise. Não é necessário ajuste posológico em pacientes com insuficiência hepática leve, moderada ou severa, a menos que a função renal esteja gravemente prejudicada.

Informações

A telitromicina é um derivado semi-sintético da eritromicina A que pertence aos quetolídeos, uma nova classe de agentes antibacterianos. A telitromicina inibe a síntese protéica bacteriana bloqueando a tradução ribossômica no nível 23S do RNA ribossômico da subunidade 50 S, inibindo a fixação das subunidades ribossômicas. A telitromicina bloqueia a síntese protéica ligando-se em 2 posições na subunidade ribossômica 50 S: domínios II e V no nível 23S do RNA ribossômico (a afinidade da telitromicina no nível 23S do RNA ribossômico demonstrou ser 10 vezes maior do que a da eritromicina A em cepas suscetíveis à eritromicina e 25 vezes maior em cepas resistentes à eritromicina). A diferença da força de ligação pode estar atribuída a cadeia seqüencial de carbonos C11-12. Esta diferença permite que a telitromicina mantenha a ligação ao domínio II, mesmo na presença da resistência que altera a posição da ligação com o domínio V. Mantendo a ligação com o domínio II, a telitromicina retém a atividade contra a maioria dos cocos Gram-positivos (ex.: S. pneumoniae) manifestando o gene metilase (erm).

ligação com o domínio V. Mantendo a ligação com o domínio II, a telitromicina retém a atividade contra a maioria dos cocos Gram-positivos (ex.: S. pneumoniae) manifestando o gene metilase (erm).