Bulas de Remédios

As bulas constantes no ER Clinic são meramente informativas. Em caso de dúvidas quanto ao conteúdo de algum medicamento, procure orientação de seu médico ou farmacêutico.

Laboratório

Ativus

Apresentação

cáps. Gelatinosa Dura de 235 mg: caixa c/ 30 cáps. USO ADULTO

Indicações

Kavakan (Extrato seco de Piper methysticum F.) está indicado no tratamento de quadros de ansiedade, tensão, agitação e insônia.

Contra-indicações

Kavakan (Extrato seco de Piper methysticum F.) está contra-indicado em pacientes com história de hipersensibilidade ao extrato de Piper methysticum F., aos componentes da fórmula ou a outras bebidas que contenham Piper methysticum F. em sua formulação. Pacientes com quadros de depressão endógena (Transtorno Depressivo Recorrente e Transtorno Afetivo Bipolar) não devem utilizar medicamentos contendo Piper methysticum F. em sua formulação.

Reações adversas / Efeitos colaterais

Kavakan (Extrato seco de Piper methysticum F.) é bem tolerado. Entre as possíveis reações adversas temos: perturbações gastrintestinais e quadros de alergias cutâneas. Comunique a seu médico se ocorrer o surgimento de uma coloração na pele e anexos dérmicos (unhas e pêlos) ou se observar alterações no tamanho das pupilas ou o aparecimento de reações desagradáveis. TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS.

Posologia

1 cápsula ao dia ou a critério médico.

Informações

A Piper methysticum F. ou Kava-kava é uma planta originária das ilhas do Pacífico Sul. A ação do Extrato de Kava-kava é devido à presença das kava lactonas. Kavakan (Extrato seco de Piper methysticum F.) demonstra efeito calmante, ansiolítico e psico-relaxante, sendo assim possui uma ação sobre o núcleo amigdaliano o que proporciona a diminuição das atividades do sistema límbico (ação ansiolítica). Kavakan (Extrato seco de Piper methysticum F.) demonstra efeito sobre a formação reticular. É sabido que a diminuição da ansiedade, tensão e agitação irá aumentar a tolerância ao estresse mental, proporcionando uma maior estabilidade emocional. Estudos realizados em animais puderam demonstrar efeitos anti-convulsivante, relaxante muscular central, sedativo e espasmolítico sendo que, os estudos farmacológicos realizados no modelo humano mostraram o aumento das atividades beta e uma equivalente diminuição da atividade alfa quantitativa no EEG. Podemos dizer que este índice beta/alfa se torna típico do eletroencefalográfico dos pacientes ansiosos. Por outro lado, a não existência de um acréscimo das atividades delta e teta podem demonstrar que as Kava lactonas contidas em Kavakan (Extrato seco de Piper methysticum F.) são desprovidas de atividade hipnótica. A ação neuro-fisiológica (Extrato seco de Piper methysticum F.) se difere dos benzodiazepínicos e não pode ser comparada aos timolépticos tricíclicos. Já nos estudos clínicos sobre a atividade (Extrato seco de Piper methysticum F.) na qualidade do sono dos pacientes, foi observado que a quantidade de fusos de sono e a porcentagem de sono profundo foram aumentados (o sono REM não apresentou alterações, o primeiro estágio do sono e sua latência diminuíram e o tempo subjetivo do mesmo aumentou). A influência (Extrato seco de Piper methysticum F.) na qualidade do sono foi clinicamente comprovada não acompanhar uma restrição na capacidade de reação, sendo assim, a falta de um componente sedativo, uma diminuição da excitabilidade central, diminuição da atividade límbica, relaxamento muscular e aumento no tempo de sono profundo, caracterizam Kavakan (Extrato seco de Piper methysticum F.) como um medicamento com propriedades farmacológicas únicas. Farmacocinética: A absorção do Extrato seco de Piper methysticum F. é maior em relação à absorção da planta bruta. Estudos em ratos mostram um aumento 2 vezes maior na absorção do extrato em relação à planta bruta, porém, a biodisponibilidade do extrato seco foi 3 a 5 vezes maior em relação as kava lactonas isoladas. Também foi demonstrado uma absorção mais rápida da Kavaína e da Dihidrokavaína em ralação a da Metisticina e da Dihidrometisticina. O pico plasmático das kava lactonas após administração oral foi de 1 hora. A excreção da forma inalterada se faz pela urina e a dos metabólitos se faz pelas fezes.

da Dihidrokavaína em ralação a da Metisticina e da Dihidrometisticina. O pico plasmático das kava lactonas após administração oral foi de 1 hora. A excreção da forma inalterada se faz pela urina e a dos metabólitos se faz pelas fezes.