Bulas de Remédios

As bulas constantes no ER Clinic são meramente informativas. Em caso de dúvidas quanto ao conteúdo de algum medicamento, procure orientação de seu médico ou farmacêutico.

Laboratório

Farmasa

Referência

Enalapril

Apresentação

Cada compr. contém 5, 10 ou 20 mg de maleato de enalapril. cx. c/ 10, 20 e 30 compr. (20 mg); 20 compr. (10 mg) e 30 compr. (5 mg).

Contra-indicações

Antecedentes de hipersensibilidade à droga ou a outros inibidores da ECA. Gravidez e lactação.

Reações adversas / Efeitos colaterais

Atens (enalapril, maleato) é bem tolerado. Podem ocorrer reações adversas temporárias e de intensidade leve, raramente levando à interrupção do tratamento. As reações adversas mais comuns são: tontura, cefaléia, fadiga e astenia; com menos freqüência podem ocorrer hipotensão postural, síncope, náusea, diarréia, cãibras, exantema, tosse e edema angioneurótico. Muito raramente podem ocorrer: aumento de uréia e creatinina séricas, elevação de enzimas hepáticas e/ou bilirrubina. Estas alterações geralmente são reversíveis com a descontinuação do tratamento. Hipercalemia e hiponatremia também podem ocorrer, assim como redução da hemoglobina e do hematócrito. Foram relatados poucos casos de neutropenia, trombocitopenia, depressão medular e agranulocitose, nos quais não pôde ser excluída uma relação causal com o uso do medicamento. Outros efeitos adversos que ocorreram muito raramente: cardiovasculares: infarto do miocárdio ou acidente vascular cerebral, possivelmente secundários a hipotensão excessiva em pacientes de alto risco, dor torácica, distúrbios do ritmo cardíaco, palpitações, angina pectoris. Gastrointestinais: íleo, insuficiência hepática (hepatocelular ou colestática), icterícia, vômitos, constipação, estomatite, pancreatite, dor abdominal, dispepsia, anorexia. Sistema nervoso / psiquiátrico: depressão, confusão mental, sonolência, insônia, nervosismo, parestesia, vertigem. Respiratórios: infiltração pulmonar, broncoespasmo, asma, dispnéia, rinorréia, dor de garganta, rouquidão. Pele: eritema multiforme, dermatite esfoliativa, síndrome de stevens-johnson, necrólise epidérmica tóxica, diaforese, prurido, urticária, alopécia. Outros: impotência, alteração do paladar, visão embaçada, glossite, rubor facial, zumbido.

Posologia

A dose diária varia de 10 mg a 40 mg para todas as indicações. Aconselha-se iniciar com 10 mg/dia e adaptar a dose à resposta do paciente. Atens ( enalapril, maleato) pode ser administrado em dose única ou 2 vezes ao dia. Absorção não é afetada pela ingestão de alimentos, podendo ser administrado antes, após ou durante as refeições. No caso de insuficiência renal, as doses podem necessitar redução ou adaptação do esquema com administrações menos freqüentes.

doses podem necessitar redução ou adaptação do esquema com administrações menos freqüentes.